Noticias

logo ILGA

Notícias: Nacionais

ILGA Portugal lança Observatório da Discriminação
2013-05-22
banner observatório

ILGA Portugal lança hoje o “Observatório da Discriminação em função da orientação sexual e identidade de género”

Inquérito já está disponível em http://observatorio.ilga-portugal.pt.

 

Após a divulgação dos resultados do Inquérito LGBT Europeu, o maior e mais compreensivo inquérito alguma vez feito a pessoas LGBT residentes na União Europeia e Portugal, a ILGA Portugal lança hoje o Observatório da Discriminação com o objetivo de recolher dados sobre incidentes e crimes discriminatórios praticados contra pessoas LGBT e contra pessoas que foram percecionadas como sendo LGBT.

 

Das 2125 respostas recolhidas em Portugal no Inquérito LGBT Europeu constata-se que:

·       45 das pessoas LGBT dizem que a discriminação em função da orientação sexual é bastante comum em Portugal;

·       75 das pessoas transgénero dizem que é muito comum serem vítimas de discriminação em função da sua identidade de género;

·       42 das pessoas LGBT dizem que é muito comum serem alvo de expressões de ódio e de aversão em função da sua orientação sexual ou identidade de género;

·       32 das pessoas LGBT dizem que é bastante frequente serem vítimas de agressões e assédio em função da sua orientação sexual ou identidade de género;

·       42 das pessoas LGBT dizem ter sido vítimas de violência psicológica/sexual ou dela ameaçadas pelo menos uma vez nos últimos 12 meses.

 

É evidente a necessidade de recolher dados sobre estas situações de discriminação para podermos combatê-la de forma mais eficaz. E porque a discriminação em função da orientação sexual e da identidade de género funciona sobretudo com base em silêncios e silenciamentos, pretendemos que todas as pessoas (vítimas e testemunhas) possam denunciá-la.

 

Temos já uma recolha de casos que nos chegam através dos nossos serviços (como a Linha LGBT, o Departamento Jurídico ou o Serviço de Aconselhamento Psicológico), ou através dos nossos projetos (como o projeto Porto Arco-Íris), ou dos nossos grupos (como o grupo Famílias Arco-Íris ou o Grupo de Reflexão e Intervenção sobre Transexualidade). Porém, era fundamental garantir um mecanismo anónimo de recolha de dados que ofereça a possibilidade de denunciar as muitas situações que ainda não nos chegam.

 

Assim, os inquéritos disponíveis no Observatório (um para vítimas e outro para testemunhas) pretendem recolher todos os incidentes ou crimes discriminatórios contra pessoas LGBT que aconteceram em Portugal ao longo do ano de 2013. A noção de incidentes ou crimes discriminatórios é muito abrangente e inclui, por exemplo, insultos homofóbicos e/ou transfóbicos; destruição de propriedade (telemóveis, carro, graffitis em sua casa ou no seu local de trabalho); agressões físicas; incidentes com serviços públicos; etc. 

 

O inquérito é anónimo e a informação será alvo do mais cuidadoso tratamento de dados, de forma a garantir a segurança e a permitir a melhor análise possível do incidente/crime discriminatório. Quem preenche o inquérito terá, em todo o caso, e se quiser, a hipótese de deixar os seus contactos para que a ILGA Portugal o/a contacte.

 

Este Observatório faz parte de um projeto internacional que é financiado pela ILGA Europa e que pretende recolher dados e identificar falhas ao nível das respostas dos serviços públicos às necessidades das pessoas LGBT em Portugal.

 

Os dados que recolhermos com este Observatório da Discriminação contra as Pessoas LGBT serão sistematizados e divulgados em 2014, permitindo simultaneamente orientar o nosso trabalho e apontar prioridades para as instituições públicas com responsabilidades na luta contra esta forma de discriminação.

 

 

Foste discriminada por seres lésbica ao tentares arrendar uma casa?

Foste alvo de insultos por seres transexual?

O teu ambiente de trabalho não te permitiu dizeres à vontade que és gay?

És bissexual e foste alvo de bullying na escola por causa disso?

Testemunhaste alguma pessoa a ser discriminada em função da orientação sexual ou da identidade de género?

Denuncia a discriminação em http://observatorio.ilga-portugal.pt 

 
logotipo do facebook logotipo do twitter logotipo do delicious
PESQUISAR NOTÍCIAS
NOTÍCIAS
2017
Novembro
Outubro
Setembro
Agosto
Julho
Junho
Maio
Abril
Março
Fevereiro
Janeiro
2016
Dezembro
Novembro
Outubro
Setembro
Agosto
Julho
Junho
Maio
Abril
Março
Fevereiro
Janeiro
2015
Dezembro
Novembro
Outubro
Setembro
Agosto
Julho
Junho
Maio
Abril
Março
Fevereiro
Janeiro
2014
Dezembro
Novembro
Outubro
Setembro
Agosto
Julho
Junho
Maio
Abril
Março
Fevereiro
Janeiro
2013
Dezembro
Novembro
Outubro
Setembro
Agosto
Julho
Junho
Maio
Abril
Março
Fevereiro
Janeiro
2012
Dezembro
Novembro
Outubro
Setembro
Agosto
Julho
Junho
Maio
Abril
Março
Fevereiro
Janeiro
2011
Dezembro
Novembro
Outubro
Setembro
Agosto
Julho
Junho
Maio
Abril
Março
Fevereiro
Janeiro
2010
Dezembro
Novembro
Outubro
Setembro
Agosto
Julho
Junho
Maio
Abril
Março
Fevereiro
Janeiro
2009
Novembro
Setembro
Agosto
Julho
2006
Julho
Junho
Contacto e Sugestões | Avisos Legais | English