quero associar-me

Antes de mais… ILGA-TE!

É com grande sentido de agradecimento que te recebemos nesta página que antecede o formulário de inscrição para novas pessoas associadas. Agradecemos por te juntares à ILGA Portugal!

Ao preencheres e submeteres o nosso formulário, tornas-te pessoa associada da ILGA Portugal, aceitando os nossos Estatutos e assumindo o pagamento da nossa quota anual no valor de €36,00. Pedimos-te, por isso, que declares que aceitas as nossas condições assinalando no campo próprio do formulário.

Antes de nos dares os teus dados pessoais para te inscreveres como pessoa Associada, queremos garantir que sabes que dados pessoais vamos recolher e porquê.

A Associação ILGA Portugal é responsável por tratar os dados pessoais que lhe pedimos no nosso formulário de inscrição para gerirmos a nossa relação contigo enquanto nossa pessoa Associada

A base de legitimidade para realizarmos esse tratamento é a nossa relação associativa.

Caso consintas, assinalando o campo disponibilizado para o efeito, utilizaremos o teu e-mail para te enviarmos a newsletter da Associação com notícias e informações relacionadas com a vida associativa. Precisaremos, também e pelo menos, do teu nome, número de contribuinte e de um contacto. Sem estes dados não conseguiremos enviar-te as nossas convocatórias, as nossas comunicações sobre a nossa atividade, e não poderíamos emitir o recibo referente à tua contribuição anual.

Para receberes as nossas convocatórias por correio, por favor preenche o campo da morada. Deves consultar a nossa Política de Privacidade completa aqui. Para submeteres o teu pedido deves declarar que tomaste conhecimento da nossa Política de Privacidade no campo disponibilizado para o efeito.

Alguma questão em relação à gestão dos teus dados pessoais ou exercício de direito em relação aos mesmos enquanto pessoa utilizadora e Associada não hesites em contactar a nossa pessoa Encarregada de Proteção de Dados através do email ilga@ilga-portugal.pt. Se, ainda assim, subsistir a razão da tua reclamação, podes contactar a Comissão Nacional de Proteção de Dados.